Na tarde desta terça-feira (5), o elenco azulino realizou mais um treino. Não diferente do que vem ocorrendo, a comissão técnica iniciou o trabalho com o bate papo com os jogadores, seguido da atividade física, mas logo mais entrou em ação a orientação o técnico Heriberto Cunha e companhia.

Divididos em dois grupos, os jogadores utilizaram apenas uma parte do campo. O objetivo, o mesmo de alguns dos últimos treinos, dar velocidade aos atletas para que os passes sejam precisos.

Os trabalhos têm sido realizados intercalados com academia, segundo o técnico, para não sobrecarregar os jogadores, porém, a partir desta semana os treinos ficarão mais intensos.

“Claro que estamos na pré-temporada, mas também não queremos que o jogador tenha um desgaste. No entanto, a partir de agora a gente vai aumentando a carga relativamente, de acordo com o que programamos”, afirma.

Cunha garante que está adaptado ao clima, assim como os demais jogadores. Em tom de brincadeira, ele revela que o clima é mais fácil de acostumar do que ganhar ritmo de jogo.

“Eu já acostumei e os jogadores também. Eles já jogaram em tantos lugares desse país. E é mais fácil acostumar com o clima que ganhar ritmo de jogo. Ritmo de jogo, os jogadores só vão ter jogando. O trabalho que fazemos aqui é para colocarmos todos bem fisicamente, incentivá-los a pensar com rapidez. Precisamos de velocidade e raciocínio”, disse. Ele ressalta ainda que a cada dia se sente mais forte com o comprometimento do grupo.

Treino

Nesta quarta-feira (6), o elenco do Nacional FC folga no período da manhã, mas à tarde, às 16h, volta ao campo do CT Barbosa Filho, retorna aos trabalhos para um treino físico/técnico.