O elenco do Nacional Futebol Clube tem mais um integrante. O goleiro Tom foi apresentado na tarde desta segunda-feira, no CT Barbosa Filho. O jogador falou da expectativa de defender o manto azulino e diz o que a torcida pode esperar do arqueiro de 24 anos de idade.

“É uma nova experiência e a gente quer sempre fazer o melhor. Fazer nosso nome. E sempre digo que, independente do clube, tem que ter comprometimento, tem que ser profissional e trabalhar forte para ter oportunidade. Eu sou assim”, ressaltou.

Tom se junta a mais três jogadores da sua posição, os goleiros, João Paulo, Thiago Régis e Jonathan. Sobre essa “disputa” ele afirma ser normal pelos clubes que passou.

“É normal ter quatro goleiros. Eu mesmo já fui o quarto e tive minha oportunidade. Cada um vai ter seu momento para mostrar seu trabalho. Cheguei para somar com meus companheiros”, disse.

O arqueiro revela que conhece bem o trabalho do técnico Vagner Benazzi. Destaca o diferencial do “Rei dos acessos”.

“Tive uma passagem muito boa pela Portuguesa. Foram sete anos lá e um dos comandantes que passou pela Portuguesa foi o Benazzi. Ele sabe muito da minha história. Disputei a Copa São Paulo e me destaquei. Foi aí que subi para o profissional. Conheço o Benazzi, ele gosta de vencer. É determinado e busca a vitória a todo custo e gosta de jogador desse estilo”, afirma.

Atualmente o Naça conta com 28 atletas, sendo oito contratados após a chegada do técnico Vagner Benazzi.

13275443_995315403870313_860358162_o (2)

Primeiro treino

Após a apresentação de Tom, o elenco azulino se reapresentou e ele seguiu para o gramado para realizar seu primeiro treino ao lado do preparador, Iuna. O novo reforço, treinou sem seus companheiros de posição, pois João Paulo e Thiago Régis foram poupados e Jonathan está intensificando nos trabalhos físicos, após se recuperar de uma lesão na panturrilha.

13282807_995315400536980_85143992_o (2)

Outro jogador que não participou dos trabalhos foi Álvaro, mas retorna na terça-feira. Tiago Ulisses, apesar de ter sofrido uma entrada violenta de He-man, no amistoso contra o Baré/RR, no último domingo (22), fez apenas gelo e treinou normalmente. Já o lateral Rodrigo Fernandes sofreu um estiramento na panturrilha e deve permanecer no Departamento médico, assim como Vanderley, Vitor e Hugo, esses três últimos se recuperam de cirurgia no joelho.