11892156_895821230472773_5191063557643460005_n

Disposição é a palavra no elenco nacionalino para o jogo contra o Remo, no próximo sábado (22), às 17h30 (horário Manaus), na Arena Verde, em Paragominas/PA, é o que garante o atacante Nando. Ele admite que será um jogo difícil, mas que o trabalho com o técnico Paulo Morgado e toda a comissão técnica passa confiança ao grupo.

“Trabalhamos muito para esse jogo. Sabemos que é difícil, mas não impossível. A gente está com a consciência tranquila para fazer um bom jogo, sempre buscando a vitória. O professor Morgado vem passando toda confiança para gente, deixando a gente a vontade dentro de campo e tenho certeza que vamos fazer um bom jogo e trazer os três pontos”, afirma.

Sobre a possibilidade de ser titular, o atacante revela que os jogadores estão unidos e conscientes que independente de quem vai jogar, todos sabem que importância da partida.

“A gente conversou e temos consciência que temos que ganhar o jogo. Sabemos que é difícil ganhar fora de casa, mas nada é impossível e com fé em Deus vamos vencer. Pensamos na gente, mas a prioridade é o clube e a torcida. Eu quero jogar, os outros também, mas eu jogando ou não a gente tem consciência de quem entrar tem que dá o seu melhor. Quem entrar vai dar o sangue”, garante.

Para a partida válida pela 7ª rodada do Brasileirão Série D, o Naça busca o caminho das vitórias, assim como o Remo que é líder do grupo A1, mas perdeu o último confronto com o Náutico. O mesmo aconteceu com o segundo colocado, Rio Branco que empatou com o Vilhena. Com esses resultados aumentam as chances do Leão da Vila alcançar os adversários. “Agora só falta a gente fazer nossa parte fora de casa para tudo dá uma tranquilizada”, completou o atacante azulino, Nando.