Na tarde deste sábado, dia 25, o Nacional Futebol Clube enfrentou a equipe do Fast Clube, atual campeã amazonense de futebol. O jogo, que terminou com vitória para o time nacionalino, ocorreu no Estádio Carlos Zamith,  localizado no bairro Coroado, zona Leste da capital.

Goleiro Erick Rocha, em ação pelo Leão (Foto: Lorena Furtado)

A partida foi marcada por fortes emoções e muitas jogadas ofensivas. No primeiro tempo, Nacional e Fast foram extremamente nivelados, com trocas de passes, jogadas ensaiadas e cada equipe demonstrou completo domínio sobre os lances que envolviam o jogo. E mesmo com a qualidade de ambas as equipes, quem saiu na frente no placar foi o time do Fast, com um gol de Thiago Brandão, aos 32 minutos. Mas a resposta veio em seguida, aos 37 minutos, quando o atacante Alexsandro balançou a rede adversária, após um cruzamento do lateral esquerdo, Peter. Ao fim do primeiro período, Nacional e Fast permaneceram empatados em 1 a 1.

Alexsandro, autor do primeiro gol do Naça (Foto: Lorena Furtado)

No segundo tempo, o Leão da Vila Municipal mostrou o porquê de ser amado pela torcida e fez jus ao título de Mais Querido. Detentor da posse de bola, o time azulino iniciou o segundo tempo com mais determinação e se mostrou uma equipe extremamente unida e com muita determinação. Características essas que se tornaram extremamente favoráveis durante a partida. Prova disso foi que, mesmo com a tentativa de avanço da equipe fastiana, o grupo fechou a marcação e avançava rápido com o contra-ataque.

Meia Romário, em jogada defensiva (Foto: Lorena Furtado)

Em meio a esse turbilhão de jogadas, o treinador do Nacional Futebol Clube, Arthur Bernardes, optou pela saída do atacante Alexsandro, camisa 8, e colocou em campo o zagueiro Victor Pereira, camisa 17. Pouco tempo depois, Jefferson Araújo, camisa 9, sofre uma falta e quem cobra é o meia, Romário, camisa 10. Bem posicionado, Victor Pereira acha seu espaço e sacramenta a virada do time nacionalino com um golaço de cabeça. Após a virada, o Leão soube administrar o placar até o término da partida, vencendo de virada o adversário, por 2 a 1.

Preparação para a cobrança de falta (Foto: Lorena Furtado)

De acordo Bernardes, a equipe fastiana é muito bem preparada e o treinamento tático foi todo preparado para essa partida. “Faço questão de frisar que o time do Fast tem bastante qualidade e é um excelente concorrente, tendo em vista ser o atual campeão amazonense, então tem todo o meu respeito. Entretanto, nós procuramos dar o melhor em campo e nossos trabalhos objetivam exatamente essa superação. Apesar de algumas falhas, a estratégia utilizada deu certo e nós conseguimos sair com mais uma vitória, e vamos continuar firmes, em prol do nosso propósito”, garantiu.

Técnico do Nacional FC, Arthur Bernardes (Foto: Lorena Furtado)

Com mais três pontos garantidos, o Nacional segue na liderança da tabela do Campeonato Amazonense e já se prepara para o próximo adversário, que será o Penarol Atlético Clube, com partida a ser realizada também no Estádio Carlos Zamith, na próxima quarta-feira, dia 29, às 20h.

Time azulino (Foto: Lorena Furtado)