Atual campeão rondoniense, o Genus-RO, é o próximo adversário do Naça nesta fase de pré-temporada. O jogo servirá de preparação para as duas equipes, que este ano representarão seus estados em competições nacionais, Copa do Brasil e Copa Verde. Além disso, ambos clubes têm algo em comum: a pré-temporada começou com bastante antecedência.

O Genus está em pré-temporada desde o dia 20 de janeiro, sob o comando do técnico Claudemir Pontin e pelo preparador físico, Marcelo Nogueira. Enquanto o Nacional FC, começou preparação no dia 9 de dezembro. As equipes também disputaram amistosos.

O Naça vem de quatro jogos. Contra São Raimundo/PA, Penarol/AM, Fast Clube/AM e Remo/PA, a equipe comandada pelo técnico Heriberto da Cunha obteve três vitorias e um empate. O Genus disputou sete , com destaque para confronto diante do Londrina, onde a equipe rondoniense venceu por 2 a 1.

A pré-Temporada no Paraná

Para se manter no topo, após o título estadual, a diretoria do Sport Clube Genus decidiu investir forte na temporada de 2016. Em virtude da maior estrutura atrelada a possibilidade de realizar amistosos contra equipes fortes, o aurigrená da capital decidiu realizar toda a pré-temporada em Arapongas, interior do Paraná, resultado da parceria entre Genus e Nacional de Rolândia. No total, 22 jogadores foram contratados para fazer parte do elenco.

Os trabalhos se iniciaram no dia 20 de janeiro, sob o comandado do técnico, Claudemir Pontin e pelo preparador físico, Marcelo Nogueira. A boa relação do técnico do clube com os clubes paranaense proporcionou ao Genus diversos amistosos de alto nível. O clube jogou contra várias equipes paranaenses: Londrina (duas vezes), Portuguesa, Cambé, Apucarana, Paranavaí e Cianorte. Dos quais se destaca a vitória do Genus por 2 a 1 sobre a equipe titular do Londrina Esporte Clube, que neste ano disputará a Série B do Campeonato Brasileiro.  O resultado positivo diante da equipe do interior paranaense animou diretoria e comissão técnica do Genus, demonstrando que o time está seguindo no caminho certo.

Retorno a Porto Velho e amistoso com o Nacional

O elenco do Genus desembarca em Porto Velho-RO, na madrugada de sexta-feira para sábado. Após inúmeras conversas, a diretoria do aurigrená da capital estreitou os laços com a diretoria do Nacional Futebol Clube, e foi acertada a disputa de um amistoso, a ser realizado no domingo, (21), na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, em Manaus.

O Genus embarca para Manaus às 10h do domingo (21), retornando a capital portovelhense ainda no domingo à noite.

Sobre o jogo com o Leão da Vila, o presidente do Genus, Evaldo Silva, falou que a diretoria do clube agradece a cordialidade e se sente muito grata por ter sido lembrada e ter seu trabalho valorizado pela diretoria do Nacional Futebol Clube.

“O jogo será uma grande oportunidade de integração entre Rondônia e Amazonas. Temos um histórico de bons jogos contra o Nacional e tanto o Genus quanto o Nacional precisam dar ritmo de jogo aos atletas antes das competições oficiais”, declarou o presidente aurigrená.

História do Sport Club Genus

Fundado em 1991, o Genus era um clube amador que disputava torneios de bairro em Porto Velho, mas sempre brigando por títulos, inclusive em campeonatos federados de base e, após ser campeão em todas as categorias, a diretoria decidiu profissionalizar o clube, no ano de 1997. Desde então, o clube nunca ficou de fora da disputa do Campeonato Rondoniense da Primeira Divisão. Após dois vice-campeonatos (em 2000 e 2009), o clube sagrou-se campeão estadual no ano de 2015, ao vencer o Vilhena na grande final e quebrar a hegemonia dos clubes do interior. Apenas um clube da capital já havia sido campeão, o extinto CFA, em 2002. Passados 13 anos, o torcedor de Porto Velho pôde comemorar um título. Com a conquista, o Genus adquiriu o direito de disputar a Copa do Brasil e Copa Verde no ano de 2016.

Confira os relacionados para o jogo em Manaus

Goleiros: Allyson e Tiago Rocha
Laterais-direito: Guarate e Marquinhos
Zagueiros: Junior, Juninho, Vagner Leonardelli, Vitão e Luiz
Laterais-esquerdo: Julio Cesar e Edson Bahia
Volantes: Carlinhos, Dodô, Fernandinho e Jean
Meias: Alex, Luciano Mourão, Jackson e Roby
Atacantes: Tcharlles, Wellinghton e Pemaza

Treinador: Claudemir Pontin
Preparador físico: Marcelo Nogueira

Com colaboração da Assessoria de Imprensa do Sport Club Genus/RO