Nacional FC e Atlético/AC protagonizaram um grande duelo na Arena da Amazônia Vivaldo Lima. Ficando duas vezes atrás do placar, o Naça foi guerreiro e buscou a vitória até o último minuto, mas empatou com o time acreano em 3 a 3. O técnico Vagner Benazzi reconheceu que o grupo não fez uma grande partida e prometeu melhoraras na parte tática e técnica.

“Nosso time não jogou bem. Tivemos alguns erros bobos que culminou, inclusive, em dois pênaltis contra o Nacional. O time do Atlético/AC é encaixado e fez uma ótima partida”, admitiu.

Ainda segundo o comandante, que está à frente do Mais Querido desde o dia 9 de maio, o time teve bons momentos na partida. Ele aproveitou para destacar as entradas de Jones e Hércules em campo.

“O time teve bons momentos na partida. No começo do jogo criamos oportunidades e não marcamos por detalhe. No primeiro jogo da Série D contra o Genus, também fizemos uma partida interessante. Jones entrou na hora certa e o Hércules fez um bom papel em campo”, opinou.

Benazzi foi enfático ao destacar o trabalho do time nos treinamentos. O treinador também salientou, em entrevista coletiva realizada após o duelo, que o time vai em busca dos três pontos na terceira rodada da competição.

“Eu acredito no meu time. Acredito no meu trabalho e nos jogadores que eu tenho. Passei por vários clubes e sei como reverter este momento. Vamos treinar e focar ainda mais. Vamos ter também os pés no chão e reconhecer que não fizemos uma boa partida. Mas nosso time é bom e vamos atrás dos três pontos em casa e dar alegria ao torcedor”, concluiu.

O Nacional está na quarta posição do Grupo A1 da Série D do Campeonato Brasileiro. O time azulino acumula um ponto na competição, em dois jogos disputados. Na próxima rodada, enfrenta o Trem/AP, dia 26, às 16h, na Arena da Amazônia.