Ele entrou no segundo tempo, foi um dos melhores em campo, no jogo que terminou empatado em 3 a 3, diante do Atlético/AC, o atacante Jones avalia sua participação, fala do gol marcado aos 36 do segundo tempo e sobre as manifestações da nação azulina.

“Eu tive a oportunidade de arrancar o empate e aproveitei a chance. Fiz o gol, fui feliz, por mim e meus companheiros, mas estou aqui para ajudar o Nacional”, afirmou.

O atacante disse que o time entrou em campo para vencer, admite que houveram falhas e que o grupo vai trabalhar para garantir classificação.

“É claro que o empate não era o que o time esperava. Nós queríamos a vitória. Agora vamos corrigir os erros que cometemos e pensar na classificação. Vamos manter o foco e levar a nossa torcida junto com a gente”, garantiu.

A atuação do time azulino não agradou a torcida. Ainda no primeiro tempo, a nação se mostrou revoltada com o placar e mesmo após o empate as reclamações foram intensas. Jones declara que os torcedores estão no seu direito, mas ele pede apoio, por outro lado os jogadores vão mostrar mais empenho.

“A torcida tem todo direito de se manifestar, nós também queremos a vitória, agora é a hora da torcida aparecer e nos apoiar. Não adianta lamentar daquilo que não conseguimos fazer, vamos trabalhar forte e vamos dar muito orgulho para essa eles”, enfatizou.

Colaborou Arisson Rocha