O Nacional FC realizou, nesta sexta-feira (12), o último coletivo antes do jogo diante do Remo/PA, na Arena da Amazônia Vivaldo Lima. O treino foi comandado pelo técnico Heriberto da Cunha e seus auxiliares Alan George e Ramon Guimarães.

E diante de alguns torcedores que compareceram ao treino, o comandante azulino avaliou os dois coletivos que a equipe realizou no palco da partida que vale a taça ‘Leão Forte da Amazônia’, no domingo (14), às 18h. Heriberto da Cunha espera que o time entre com disposição e obediência tática em campo.

“O treino de quarta foi mais posicionamento, hoje eu deixei o time mais solto. Esperamos que no jogo eles possam ter essa mesma conduta, disposição, obediência tática, ter criatividade para fazer jogadas, para conseguirmos o resultado positivo”, avaliou o treinador.

Heriberto também comentou sobre a evolução do elenco. Para ele, como a equipe foi construída do ‘zero’, é necessário um tempo para os jogadores se conhecerem em campo. E nos amistosos está a fórmula ideal para que isso aconteça.

“A equipe está sendo construída agora. Os jogadores estão se conhecendo e de um tempo para cá eles vêm conversando mais para saber a forma de jogar, como gostam de receber a bola. Estamos trabalhando na construção de um time e isso requer tempo e dedicação no dia a dia. Estamos evoluindo”, garantiu.