Nesta quarta-feira (13), o Nacional Futebol Clube completa 103 anos de fundação. A data, instituída pela diretoria do clube como o Dia do Nacionalino, terá comemorações. Na sede será oferecido um coquetel aos diretores, conselheiros e funcionários, a partir das 19h30. O local está situado à Rua São Luiz, 230, bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul, de Manaus.

O Naça coleciona vários títulos, em diversas modalidades, entre eles, no futebol, 43 estaduais e um internacional. A Copa do Rei Hassan, torneio disputado durante uma excursão do Nacional ao Marrocos. O clube foi o primeiro da região Norte a fazer excursão fora da América Latina. Na bagagem trouxe o troféu do torneio no ano de 1981.

Além de toda a tradição, o Leão também possui o registro de primeiro clube amazonense a jogar no estádio do Maracanã/RJ. A partida era válida pelo Campeonato Nacional Centro-Sul/Norte-Nordeste e o Leão disputou a final com o Grêmio Maringá/PR, em 24 de agosto de 1969. O jogo terminou em 1 a 0 para o Naça, com o gol marcado por Pepeta. A delegação foi recebida com festa em Manaus. Os registros estão em vários jornais da cidade que comprovam a dimensão da comemoração e orgulho amazonense.

Em 2016, o Nacional FC tem um calendário completo quando disputa a Copa Verde, Copa do Brasil, Campeonato Amazonense e Série D, este último uma das principais. O clube quer conquistar o acesso à terceira divisão do Campeonato Brasileiro e provar a qualidade do futebol amazonense e a força do Leão da Vila Municipal.